Um dos maiores tabus dentro da odontologia se refere ao receio de se fazer um tratamento de canal. Muitas pessoas acabam associando o procedimento à algo negativo. Entretanto, tal conceito está errado, quando na verdade é a falta de um tratamento é que pode trazer sérias consequências para a saúde bucal.

Portanto, para que você compreenda a importância de um tratamento de canal e quando precisar de um, preparamos um material bem detalhado sobre o assunto. Continue lendo o artigo e descubra!

 

Quando devo fazer um tratamento de canal?

Você já se perguntou o que é um tratamento de canal? Ou em que lugar da boca é feito o procedimento? Acontece é que o método acaba sendo visto como algo ruim sem que as pessoas saibam sobre do que se trata.

O principal foco aqui são as estruturas internas do dente! O tratamento de canal deve ser feito quando se encontra alguma lesão, cárie ou infecção polpa ou na raiz do dente. A polpa é uma região que contém nervos e vasos sanguíneos. Já a raiz se encontra dentro do osso do maxilar. Logo, qualquer problema que afeta diretamente a região pode desencadear uma série de complicações para a saúde bucal do paciente.

Sendo assim, o maior problema se encontra quando não existe um tratamento adequado para a região infeccionada ou com alguma lesão e cárie. A polpa do dente pode acabar necrosando, o que pode gerar danos para toda a estrutura dentária. É bastante comum que o dente se encontre avermelhada, inchada e dolorida. Em alguns casos, é possível que se forme pus na área afetada.

Quando o paciente ignora os sintomas ou procura um dentista tardiamente, o resultado pode ser a perda do dente. O que gera uma dor de cabeça maior, já que agora, além de tratar a região doente, o paciente terá que se preocupar com a reposição do seu dente perdido.

 

Como é feito o tratamento de canal?

Bom, agora você já sabe quais são as indicações para um tratamento de canal e a importância de se fazê-lo. Agora, para desmistificar o receio quanto ao procedimento, vamos entender como ele é feito, quais são as etapas, cuidados e como cuidar da sua saúde bucal após tratar um dente.

Podemos dividir o tratamento de canal em três etapas. Primeiro, o dentista responsável irá retirar a polpa lesionada. Para evitar complicações, utiliza-se radiografias para que o profissional tenha em mãos um guia que o leve até toda a região que precisa ser removida. Logo após, é feita a desinfecção da área, uma vez que ela possui vários vasos sanguíneos. Por fim, o dentista preenche o canal aberto com cimento odontológico e fecha o buraco feito na coroa com resina.

Após o tratamento e com o dente restaurado, é necessário que o paciente tome alguns cuidados para garantir a saúde dos seus dentes. Além disso, deve-se fazer um acompanhamento com o dentista responsável para avaliar mais de perto a saúde bucal.

 

Quais cuidados devo tomar?

Assim como qualquer outro tratamento na saúde bucal, é necessário tomar certos cuidados após o procedimento. Aqui, não é diferente. É importante que o paciente entenda que as recomendações dadas pelo dentista são de extrema importância. Segui-las contribuem para o sucesso do tratamento feito.

Sendo assim, os principais cuidados que um paciente deve tomar com o seu dente após um tratamento de canal são:

  • Evitar alimentos duros e quentes demais;
  • Redobrar os cuidados com a higiene bucal;
  • Caso o dentista tenha indicado um medicamento para dor, siga as recomendações;
  • Volte ao dentista para acompanhar o seu tratamento de canal;

Sempre retorne ao seu dentista! Caso precise de um tratamento de canal ou outro cuidado com a sua saúde bucal, entre em contato com a Líder Odonto! A nossa clínica trabalha com o sistema de odontologia integrada, priorizando em primeiro lugar a sua saúde bucal.

Para continuar acompanhando o nosso conteúdo, curta as nossas redes sociais e compartilhe o nosso material com os seus amigos e familiares!